quarta-feira, 27 de junho de 2018

2) Apocalipse 11:15


2) Apocalipse 11:15

Outra Escritura alegada para provar que a Igreja deva passar pela tribulação é Apocalipse 11:15. “E tocou o sétimo anjo a trombeta, e houve no céu grandes vozes, que diziam: Os reinos do mundo vieram a ser de nosso Senhor e do Seu Cristo, e Ele reinará para todo o sempre.” Este versículo mostra que quando a sétima e última trombeta tocar no fim da tribulação, o Senhor aparecerá e tomará posse dos reinos deste mundo por meio de julgamento. A suposição é de que “a sétima trombeta” é a que é falada no Arrebatamento (1 Ts 4:15-18; 1 Co 15:51-52). Portanto, a Igreja estará na Terra para passar pelos juízos da tribulação (Ap 6-11) precedendo a sétima trombeta. É ensinado que a Igreja será levada para encontrar o Senhor nos ares, assim que Ele vem do céu para julgar o mundo.
Esta interpretação é muito problemática, porque a Palavra de Deus ensina que uma série de coisas deve acontecer desde o tempo em que a Igreja é levada para o céu até quando o Senhor voltar para julgar o mundo, como Apocalipse 11:15 mostra. Seria impossível de elas acontecerem no curto momento que esta interpretação permite. Após tomar Seu povo para o céu no Arrebatamento, o Senhor irá fazê-los sentar à Sua mesa onde os servirá com gozo e felicidade celestial indizível (Lc 12:37). Então o trono de julgamento de Cristo será estabelecido e a vida dos crentes irá passar em revisão e eles serão galardoados (2 Co 5:10 etc.). Os santos também terão um tempo de louvar a Deus e o Senhor Jesus Cristo em volta do trono no céu. Neste momento eles depositarão suas coroas aos Seus pés em humilde adoração a Ele (Ap 4-5). Então, terá lugar as bodas do Cordeiro, seguida pela ceia que encerrará as bodas (Ap 19:7-9). Essas coisas todas devem ter lugar depois de o Senhor levar Seu povo para o céu no Arrebatamento e antes de Ele retornar em Sua Aparição, quando julgará o mundo. Não seria possível acontecer estas coisas se os santos fossem levados aos ares e, então, imediatamente trazidos de volta com o Senhor em Sua Aparição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário